sexta-feira, 7 de agosto de 2015

COMO SER UM BOM PAI.

Lemos muito sobre "O que é um bom pai?" Isso é bom, mas quero ir um pouco mais longe, desejo escrever acerca de como ser um bom pai. Não é suficiente definir um bom pai, mas é importante tomar conhecimento das suas práticas.
        Ama a sua esposa – Seus filhos veem como ele trata a sua companheira, aprendem e formam conceitos sobre casamento com ele. É um modelo para seus filhos. Ele respeita e ama a sua esposa, exemplo que os filhos levarão para o casamento. Quando o pai desrespeita o seu cônjuge verbalmente ou fisicamente está degradando sua casa, a família e o casamento, consequentemente, seus filhos levarão tais atitudes para o casamento. observe Efésios 5:8.
    Não espera filhos perfeitos – Como não há pais perfeitos, não existem filhos perfeitos. Não espere que os seus filhos atendam a todas as suas expectativas, cumpram todos os seus objetivos traçados para eles, sejam o que você projetou. Há pais que desejam viver suas próprias vidas através dos seus filhos. Deseja que seu filho seja a estrela no futebol que ele não foi, case com uma pessoa rica e bem-sucedida algo que não fez. Os filhos são diferentes, não são os seus clones! É natural cometerem erros, não são perfeitos. Aceitem os seus filhos com são. Atente para Colossenses 3:21.
        Curte os filhos – O salmista diz: “Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que ele dá.” Salmo 127:3. Não são um fardo, nem para ser ignorados ou evitados, mas, desfrutados. Para apreciá-los é necessário gastar tempo, passear, brincar, compartilhar sua vida com eles. A qualidade do tempo é mais importante do que a quantidade. No tempo que você passa com eles, diga-lhes o quanto são importantes para você.
Escuta os filhos – Dê-lhes a atenção, não com um olho na TV e outro neles. Ouça os seus filhos quando estão com problemas, preocupados, sentindo-se solitários. Eles não necessitam de desenhos animados, jogos eletrônicos, mas de atenção, como seu melhor amigo. Envolva-se com os seus filhos, saiba o que está acontecendo com eles. Se ouvi-los nas pequenas coisas, serão capazes de compartilhar com você as coisas mais intimas. Reflita sobre Provérbio 1:5.
     Disciplina seus filhos – Deve ensinar seus filhos a respeitar a autoridade na casa, assim aprenderão a respeitar as autoridades na escola e no mundo. Estabelecer LIMITES para os filhos, regras e regulamentos. Pratique Provérbios 23.13 e Efésios 6:4.
        Ora pela sua vida e a dos seus filhos – Você não tem todas as respostas para seus filhos e não pode resolver todos os problemas deles. Você não tem toda a sabedoria, amor e paciência que deveria ter, então necessita da ajuda de Deus.  Como também você não pode estar com seus filhos o tempo todo, mas Deus pode. Você não pode protegê-los aonde quer que vão, mas Deus pode. Muitas vezes você não estará com eles quando tiverem que escolher o certo ou errado, mas Deus estará. Então ore pela vida dos seus filhos. Faça como o salmista, Salmo 55:17.
       É referencial positivo – Você é um exemplo para o seu filho, queira ou não, bom ou mau. Ele vai, em um grau ou outro, olhar para suas atitudes. Você herdou algumas características de seu pai, assim seus filhos vão herdar algumas de você. Influencie seus filhos positivamente. Pratique Provérbios 22:6
         Prepara seu filho para a vida – Você está preparando seus filhos para saírem de casa? Um dia eles levarão tudo que aprenderam com você. Mas se não os preparar para a eternidade, você falhará como pai. Deus não lhe deu filhos apenas para prepará-los para ser médico, professor, encanador, motorista e outras profissões, Ele lhe deu a fim de você prepara-los para a eternidade. Você não pode escolher o caminho eterno para eles, mas pode mostrar-lhes o caminho para o Céu. Não ignore a vida espiritual dos seus filhos, seja um bom pai, guie-os para a eternidade. Veja Provérbios 23:24.

         Que o Senhor abençoe a todos os pais, capacitando-os a desempenharem com zelo e dedicação a paternidade, e sejam felizes em mais este dia.

0 comentários: